O pagamento com QR Code no Brasil não é novidade, mas foi com a pandemia que houve a familiarização do uso da tecnologia. Com a queda nas doações, decorrente também do distanciamento entre os fiéis, as lives transmitidas pela Igreja passaram a contar com essa forma de contribuição.

A adesão ao QR Code se deve a sua praticidade, basta um celular com câmera. De acordo com Carlos Netto, CEO da Matera, o QR Code é muito mais inclusivo, por funcionar em todos os celulares.

Gueitiro Genso, CEO do PicPay, também atribui o sucesso à facilidade de uso, pois ele simplifica todas as etapas de inserção de dados bancários, tornando o processo abreviado. (Fonte: UOL)

Das vantagens do uso desse tipo de pagamento, destacamos a possibilidade de fazê-lo à distância e sem necessidade de contato com cartão de crédito e maquininhas, garantindo nossa segurança, especialmente nesse momento. .

A pandemia mudou nossos hábitos e mudou também a forma como fazemos pagamentos e doações, obviamente as tradicionais formas de transações financeiras não serão extintas do dia para a noite, contudo é observado um salto da digitalização da economia.

⛪ Sua paróquia faz uso desse tipo de tecnologia? Em que outras situações vocês fazem o uso do QR Code?

🎙Conte pra gente!

Deixar um comentário

#curtir
Top